Dez Regras Para Escrever Ficção”: Roddy Doyle


1. Não coloque uma foto do seu autor favorito em sua mesa, especialmente se o autor for um daqueles famosos que cometeram suicídio.

2. Seja gentil consigo mesmo. Preencha as páginas o mais rapidamente possível; espaçamento duplo, ou escreva pulando sempre uma linha. Considere cada nova página como um pequeno triunfo —

3. Até você chegar à página 50. Então acalme-se e comece a se preocupar com a qualidade. Sinta ansiedade mesmo – esse é o trabalho.

4. Dê um nome ao trabalho o mais rápido possível. Reconheça-o, e observe-o. Dickens sabia que Bleak House ia ser chamado de Bleak House antes de começar a escrevê-lo. O resto deve ter sido fácil.

5. Restrinja a sua navegação a alguns poucos sites por dia. Nem chegue perto de apostas online – a menos que seja pesquisa.

6. Mantenha um dicionário de sinônimos e antônimos, mas no galpão no fundo do jardim ou atrás da geladeira, em algum lugar que exija deslocamento ou esforço. As chances são de que as palavras que surgem na sua cabeça servirão bem, por exemplo, "cavalo", "correu", "disse".

7. Ocasionalmente, ceda à tentação. Lave o chão da cozinha, pendure a roupa lavada. Isso é pesquisa.

8. Mude de ideia. Boas idéias são frequentemente assassinadas por outras melhores. Eu estava trabalhando num romance sobre uma banda chamada The Partitions. Então eu decidi chamá-la The Commitments.

9. Não procure na Amazon pelo livro que você ainda não escreveu.

10. Gaste alguns minutos por dia trabalhando na biografia da contracapa – "Ele divide seu tempo entre Cabul e Terra de Fogo". Mas, então, volte ao trabalho.

#ESCREVER #FICÇÃO #DICAS #escreverbem

26 visualizações