50 Extraordinários Personagens da Literatura Universal




Uma das coisas que a literatura faz melhor do que quase qualquer outro meio é permitir-nos experimentar a qualidade da mente de outra pessoa e, às vezes, até habitá-la. Segue-se, então, que todo leitor ávido tem um personagem literário favorito - sejam eles amados por atos covardes, travessuras de garotas duronas, apelo sexual ou um alto quociente de sarcasmo - e que existem muitos impossivelmente bons por aí. Após o salto, você encontrará 50 dos melhores. Para ser claro: um grande personagem nem sempre é aquele de que você gosta (pergunte a Claire Messud), mas aquele que é de alguma forma extraordinário, ou evoca algum tipo de sensação deliciosa de história no leitor. Como sempre, esta lista reflete os gostos pessoais e tendências de seu criador, e muitos grandes personagens não foram incluídos (Jo March, Huck Finn, Merusault, Anne Shirley. Então pode ser que seu favorito não esteja aqui.



Behemoth, O Mestre e a Margarita , Mikhail Bulgakov


Mas é claro: ninguém poderia esquecer o Behemoth, aquele gato preto demoníaco do tamanho de um porco, que fala rápido, usa uma arma, bebe vodca, joga xadrez. O bobo da corte favorito do diabo, e meu também.


Raskolnikov, Crime e Castigo , Fyodor Dostoievsky


Um ex-estudante de direito lutador, basicamente niilista, que tem grandes pensamentos, mas permite que eles o levem a atos covardes.


Humbert Humbert, Lolita , Vladimir Nabokov


Pobre, monstruoso, velho Hum, doente de Eros. Um dos personagens mais sorrateiros da literatura, não apenas em seus muitos esquemas coniventes para fazer com que Lolita seja só dele, mas também por conseguir enganá-lo para que cuide dele, mesmo por meio de seu nojo e superioridade moral. Um belo truque, de fato.


George Samsa, A Metamorfose, Frans Kafka


Você pode sentir pena de George ou raiva por sua subordinação, mas a verdade é que ele representa um dos personagens mais angustiados e a mercê da mesquinhez alheia. As reflexões desse personagem são pungentes enquanto ele é agora um grande inseto dentro de seu quarto.


Dom Casmurro, Dom Casmurro, Machado de Assis


O retrato de um ciumento, de alguém inseguro de seu próprio destino tão bem delineado por nosso maior escritor, Machado de Assis.


Hermione Granger, Harry Potter e a Pedra Filosofal, JK Rowling